loader
Guia completo para se preparar para a Black Friday 2022

Saiba como se preparar para a Black Friday 2022

Você sabia que a Black Friday é considerada uma das datas mais importantes do ano para o comércio?

De acordo com um levantamento feito pela Ebit/Nielsen, publicado pelo portal R7, em 2020, a Black Friday alcançou o faturamento de mais de R$3 bilhões — um aumento de 25,1% comparado a 2019. Esse valor bateu recordes nacionais.

Para 2022, as expectativas são ainda melhores, principalmente para as empresas de e-commerces. No entanto, é preciso aproveitar a data de maneira estratégica, criando um planejamento eficiente para alcançar o seu objetivo e conquistar resultados positivos. Ou seja, aumentar as vendas e os lucros.

Segundo a revista Exame, uma pesquisa da Offerwise (encomendada pelo Facebook) indica que a intenção de compras na Black Friday deste ano será 29% maior do que no ano passado.

Ainda de acordo com a pesquisa, 59% dos consumidores preferem realizar as compras on-line, enquanto os outros 41% preferem as lojas físicas. Dentre os pontos cruciais para a decisão de compra, destacados pelos 400 brasileiros entrevistados, estão:

  • frete grátis (54%);
  • preço do produto (51%);
  • qualidade do produto (48%).

É preciso organizar tudo com antecedência. Afinal, são muitos detalhes a serem analisados, como atendimento, estoque, logística, entregas entre outros.

Para ajudar você a ter bons resultados na Black Friday 2022, criamos este artigo com dicas de como se preparar para a última sexta-feira de novembro.

Continue lendo e conheça as melhores estratégias para atrair mais clientes e multiplicar o seu faturamento.

Vamos lá?

O que é a Black Friday?

A Black Friday começou nos Estados Unidos e relaciona-se com a sexta-feira após o feriado mais famoso do país, o Dia de Ação de Graças.

Para os comerciantes, a data representa a última grande chance de vendas antes das festas de fim de ano. Ou seja, é a sua oportunidade de fazer uma queima de estoque, tendo em vista o planejamento do Natal, enquanto aproveita para atrair novos clientes e potencializar suas vendas.

Já para os consumidores é um dia de muitos descontos, uma excelente oportunidade para comprar algo desejado há algum tempo.

Assim, a Black Friday tornou-se uma iniciativa de grande importância para o comércio americano, que se expandiu para outros países, como o Brasil. Este ano, ela será realizada no dia 25 de novembro.

De acordo com o InfoMoney, na pesquisa encomendada pelo Google à consultoria Ipsos, 64% dos brasileiros têm intenção de comprar na Black Friday deste ano.

Segundo a pesquisa, itens de vestuários, celulares, livros e papelaria estão entre as principais categorias de compras. Na parte de serviços, os principais são passagens aéreas e hotéis, com 12% de intenção de compra.

Black Friday no Brasil

Agora que você já entendeu a importância da Black Friday, veja como o movimento surgiu em nosso país.

A primeira edição, em 2010, foi realizada pelo publicitário Pedro Eugênio, do site Busca Descontos. Ele reuniu diversas lojas que disponibilizaram grandes promoções, chamando a atenção de outros comerciantes. Cada vez mais brasileiros aproveitam a data como oportunidade de negócio.

Hoje em dia, muitas empresas estendem as promoções da Black Friday e fazem uma semana ou um mês inteiro de ofertas. Essas ações ajudam a atrair o público e aumentar o engajamento para o grande dia, que é sempre na última sexta-feira de novembro.

Dicas para se preparar para a Black Friday 2022

Nós sabemos que muitos comerciantes tiveram dúvidas sobre como seria a Black Friday (BF) no período da pandemia da Covid-19. O resultado foi o aumento exponencial de compras no ambiente on-line, alavancando as e-commerces e as transações digitais.

Neste ano, os consumidores estão mais à vontade com o mundo digital. A tendência é de que também haja crescimento nas vendas das lojas presenciais — que tiveram queda de 14,5% no resultado geral em comparação com a BF de 2021. Afinal, podemos contar com a retomada do varejo, e com mais da metade da população adulta vacinada.

A pesquisa da plataforma “Black Friday Globo” mostrou que 57% dos internautas brasileiros compraram algo na Black Friday do ano passado, seja online ou offline.

É importante preparar tanto as lojas físicas quanto as virtuais. Por exemplo, com o aumento no fluxo de clientes nos espaços físicos, é preciso se estruturar para receber mais pessoas (seguindo todas as medidas de segurança contra a Covid-19). Já no virtual, as plataformas de e-commerce devem suportar o tráfego mais intenso sem travar ou sair do ar.

Por isso, vamos apresentar dicas valiosas para você aplicar e conseguir impulsionar o seu negócio. Confira!

1. Pense na experiência do cliente

O foco no cliente é uma das grandes tendências para a Black Friday 2022. Hoje em dia, as pessoas estão buscando por atendimentos humanizados, educados e que possuam uma comunicação clara e eficiente.

É importante que você tenha bem definido qual é o seu público-alvo. Assim, você pode oferecer benefícios que se conectem diretamente com suas dores.

Segundo o levantamento da Black Friday Experience, o comportamento do consumidor de 2021 era voltado à experimentação e entretenimento:

  • 52% compraram em uma nova loja (que nunca tinham comprado antes);
  • 29% pretendiam comprar alguma em uma loja nova na BF;
  • 57% queriam ter o prazer de encontrar boas ofertas;
  • 41% queriam ter a sensação de “eu mereço” na hora da compra.

Esses perfis de consumidores seguem para este ano. Estude, também, como seu público se comunica, para estabelecer contatos mais assertivos.

Como a Black Friday é um evento que, geralmente, dura só um dia, o fluxo de pessoas aumenta muito. É necessário criar uma estratégia de atendimento para garantir um suporte adequado.

Você precisa aproveitar esse momento para encantar os consumidores. Prepare bem a sua equipe, ofereça um treinamento especializado e, se for necessário, reforce o time. Assegure-se que todos os canais de contato estarão disponíveis e com um profissional responsável para realizar o atendimento. Muitas contratações para as festas de fim de ano são efetivadas ainda na BF.

Lembre-se que são outras lojas oferecendo promoções, ter agilidade é indispensável nesse momento. Um atendimento ruim pode fazer você perder uma venda imediata e várias futuras. O objetivo é que a experiência do cliente seja marcante durante toda jornada de compra.

2. Faça o controle de estoque

Com o aumento da procura, seu negócio deve contar com um estoque maior de produtos. É necessário fazer um controle para garantir que não falte nada.

O primeiro passo é fazer um inventário com o que você tem disponível para a venda. Assim, fica mais fácil definir o que precisa ser reposto e em qual quantidade (para evitar a sobra também).

Essa etapa deve ser feita com antecedência para garantir que os seus fornecedores consigam entregar as encomendas no prazo.

Lembre-se: não precisa colocar tudo em promoção! O controle de estoque vai ajudar você a definir melhor quais itens vão entrar em promoção na Black Friday e quais são mais adequados para as vendas do Natal.

A dica é mapear quais mercadorias são mais requisitadas e investir no reforço do estoque e em um bom desconto. Você também pode aproveitar para fazer um queimão com o que está encalhado na loja, desde que inclua também alguns produtos que fazem sucesso para chamar atenção dos consumidores.

3. Analise o concorrente

Essa é uma época em que a maioria dos comerciantes cria promoções. Por isso, você precisa ter um diferencial.

O público da Black Friday busca descontos imperdíveis. Se você ofertar um produto com preço desequilibrado com o do mercado, as chances de venda serão menores. Faça uma análise de como estão os preços dos seus concorrentes.

O objetivo é estar na média do mercado, sem ser inferior também. É importante que seja vantajoso para você e para o cliente. As estratégias que vão diferenciar o seu negócio são os benefícios: frete grátis, prazo de entrega, brindes, descontos em produtos requisitados, garantia extra, kits de produtos entre outros.

4. Antecipe as promoções

No Brasil, muitos comerciantes antecipam as promoções para impulsionar ainda mais suas vendas. Eles utilizam todo o mês de novembro ou a semana inteira que antecede a Black Friday, os eventos são conhecidos como “Black Month” e “Black Week”, respectivamente.

Em uma pesquisa realizada pelo Reclame AQUI com 720 empresas, 63,82% afirmaram que vão iniciar as promoções semanas antes.

Você pode usar a estratégia de fazer descontos progressivos que vão ficando maiores a cada dia, até chegar na sexta-feira. O objetivo é que seja um “esquenta” para a Black Friday. Porém, é necessário se preparar com ainda mais antecedência.

5. Invista em divulgação

Com um planejamento adequado, você também consegue pensar nas suas ações de divulgação com pelo menos 30 dias de antecedência.

Mantenha seus clientes informados sobre suas promoções. É importante fazer ações de remarketing, quem já conhece sua marca pode estar esperando o anúncio da sua participação na Black Friday. Portanto, é mais fácil vender para quem já é cliente.

Mas atraia os consumidores que ainda não conhecem o seu negócio. Invista na divulgação de bons descontos e do seu melhor produto ou serviço. Os anúncios são poderosos para aumentar sua visibilidade e, consequentemente, as suas vendas.

Portanto, invista em marketing digital e foque no que desperta atenção do seu público consumidor. Faça posts em redes sociais, envie e-mail marketing, coloque banner no site etc. Mostre sempre que você também aderiu à campanha de descontos.

Segundo o Reclame AQUI, o consumidor passou a usar ainda mais os meios digitais para comprar e movimentar seu dinheiro, como resultado disso as transações online tiveram um aumento de 46% no Brasil, em 2021.

Mas isso não significa que você deve esquecer de fazer divulgações na loja física também, certo? Uma boa estratégia é fazer cartazes com as cores da Black Friday, laranja e preto, para chamar a atenção dos consumidores.

6. Ofereça bons descontos

Os consumidores esperam o ano inteiro para aproveitar as promoções. É crucial que sua comunicação seja clara e alinhada com eles. Priorize a transparência nas divulgações e tenha atenção para que não aconteça confusão na interpretação.

Você já deve ter escutado o termo “Black Fraude”, isso aconteceu por causa de propagandas enganosas. Algumas empresas aumentaram o preço dos produtos uns meses antes e depois só baixaram para o preço normal, sem nenhum tipo de vantagem ou desconto real.

Ainda de acordo com o Reclame AQUI, nos últimos 5 anos, o motivo “propaganda enganosa” ficou em primeiro lugar nas reclamações da Black Friday. Uma divulgação mal compreendida ou descontos sem nenhuma vantagem, pode manchar a reputação da sua empresa.

Coloque no seu planejamento qual a sua margem de lucro, faça cálculos para definir bem quais produtos terão descontos. Assim, você consegue ofertar promoções atraentes para o cliente sem atrapalhar o seu negócio.

Se você não tiver muitos produtos, você pode criar estratégias como:

  • descontos nos mais procurados;
  • desconto no kit de produtos;
  • brinde para compras específicas;
  • desconto em próximas compras;
  • frete e/ou entrega grátis;
  • cupons de desconto em pop-ups com a gamificação.

Aproveite essa oportunidade para divulgar sua marca e atrair clientes.

A NuvemShop apresentou em seu relatório que as ofertas mais utilizadas pelas lojas na semana da Black Friday, com 47%, são os descontos nos preços. Em segundo lugar ficaram os cupons de desconto (16%), seguidos pelas promoções como “compre e ganhe” (6%).

7. Lembre-se do pós-venda

Cuidar do pós-venda é importante em qualquer época do ano. A diferença é que, neste caso, o fluxo de pessoas será maior, surgindo mais dúvidas, reclamações e possibilidades de troca.

Você não deve investir em um bom atendimento só durante a Black Friday, mas após também. É nesse momento que você garante a fidelização do cliente. É o fim da sua jornada de compra, você precisa assegurar uma excelente experiência.

Assim, é possível que o cliente procure sua empresa mais vezes e até indique para os amigos. Aproveite esse momento e crie um espaço para receber críticas e sugestões. Essa interação pode gerar boas ideias para aperfeiçoar suas próximas estratégias.

8. Comunicação visual

O consumidor se comunica visualmente com o seu produto. Por isso, capricha na montagem das vitrines tanto físicas quanto digitais.

Coloque os produtos mais vendáveis e rentáveis à mostra. Faça um estudo das cores que mais se conectam com o público e abuse das combinações. Mas, claro, sem exageros, menos é mais.

Deixe os preços perto dos produtos. E, se for possível, coloque algumas peças na entrada do seu estabelecimento. Isso facilita o processo de compra do consumidor.

Lembre-se de que esses pontos devem ser analisados durante todo o ano.

4 Estratégias de Marketing para a Black Friday 2022

Acima, falamos sobre como se preparar para a Black Friday 2022, mas, além disso, é muito importante ter uma estratégia de marketing efetiva, para que você venda mais durante o período. 

O dia de compras mais movimentado do ano está chegando. De acordo com o Shopify, os comerciantes da plataforma de venda online tiveram mais de 2,9 bilhões de dólares em faturamento durante este fim de semana de compras no ano passado.

Em 2022, vai ficar ainda mais popular..

Em meio a pandemia nos anos anteriores, muitas lojas físicas decidiram colocar a Black Friday online. Os compradores agora cada vez mais entrarão na “fila” das lojas virtuais este ano.

Isso significa um pico no tráfego online da Black Friday e muito potencial de vendas para empresas de e-commerce de qualquer tamanho.

Para ajudá-lo a se preparar para a Black Friday, reunimos estratégias comprovadas de marketing da Black Friday que você pode usar.

  1. Ofereça mais benefícios aos seus clientes e público-alvo

Você pode estar pensando que a Black Friday trata apenas de descontos.

Você está correto até certo ponto. Os consumidores estão realmente esperando uma oferta atraente durante o fim de semana da Black Friday, mas isso não é tudo.

A Black Friday é um bom momento para ir além dos descontos e oferecer mais benefícios aos seus clientes, como frete grátis, devoluções ou bônus.

  1. Lembre-se da Cyber Monday

Se você está com grandes expectativas para a Black Friday 2022, saiba que a Cyber Monday ou “Segunda-feira Cibernética” também está com promessas altas. 

De acordo com a Ebit|Nielsen, o varejo online brasileiro faturou R$412 milhões nesta data e, por conta do boom do e-commerce durante o isolamento social (Covid-19), as vendas de 2022 prometem ser ainda maiores.

Muitos empreendedores têm dúvidas sobre realizar ou não ações nesta data. No entanto, a Cyber Monday vem se mostrando cada vez mais importante, ano após ano, pelo seu alto faturamento e as grandes chances de liquidar os produtos que sobraram da sexta-feira de promoções.

Assim como a Black Friday, a Cyber Monday teve sua origem nos Estados Unidos, por volta de 2005. A vice-presidente sênior da Federação Nacional de Varejo dos EUA, Ellen Davis, realizou um estudo que mostrou que 77% dos varejistas online afirmaram que suas vendas aumentaram na segunda-feira após a Black Friday.

Diante disso, a Cyber Monday passou a ser vista como se fosse uma prorrogação da Black Friday, feita para impulsionar ainda mais as vendas no e-commerce. No início, a data era específica para venda de produtos eletrônicos e games. Contudo, após um tempo, lojas virtuais de outros nichos passaram também a adotar essa prática.

Por isso, se atente ao pós-Black Friday e prorrogue os seus descontos e ofertas, principalmente para o seu público que não aproveitou a data.

Por mais que a Black Friday seja muito esperada, não podemos esquecer que existem outras grandes oportunidades de venda no mercado

A Cyber Monday está cada vez mais ganhando espaço no e-commerce brasileiro e pode ser a sua oportunidade para desencalhar estoque parado.

  1. Cria uma lista de e-mails para a Black Friday 2022

Você já conhece a eficácia do marketing por e-mail para impulsionar as vendas da Black Friday. Contudo, para que seu marketing por email seja eficiente, você precisa aumentar sua lista de emails com assinantes interessados ​​em suas próximas ofertas.

Algumas semanas antes do grande dia de compras, crie um pop-up de e-mail direcionado a novos visitantes interessados nos descontos da Black Friday.

Você pode incentivar ainda mais as novas inscrições na sua página oferecendo-lhes um cupom de desconto, frete grátis ou um presente, com pop-ups interativos que realmente cativem o seu público.

Além disso, conforme a Black Friday se aproxima, você pode agradecer a esses assinantes da sua Newsletter com um desconto extra ou e-mail de acesso antecipado.

  1. Utilize pop-ups que convertem

Os pop-ups representam bem mais do que apenas coletar e-mails.

Se você deseja orientar os visitantes sobre suas melhores ofertas da Black Friday, reduzir o abandono do carrinho ou fornecer informações sobre os tempos de entrega, você pode criar um pop-up para cada finalidade e agendá-los com antecedência.

Os pop-ups podem ser decisivos na Black Friday (e no resto do ano)! 

Garantir a escassez e exclusividade com gatilhos mentais e a segmentação é efetivo para chamar a atenção do usuário a se inscrever e efetuar a compra, para isso, a contagem regressiva funciona muito bem e induz a ação no usuário.

Além disso, sabemos que muitos visitantes até pensam em efetuar a compra, mas muitas vezes chegam no carrinho e desistem. Pop-ups funcionam muito bem na hora que o usuário pensa em fechar a página e diminuem a intenção de abandono

Além de captarem leads aumentam a conversão de vendas. Assim, você captura leads engajados, o que faz toda a diferença durante a Black Friday e nas próximas datas importantes para o seu negócio. 

Leads engajados, além de significarem possíveis clientes, significam possíveis clientes fidelizados. Quem não ama uma boa experiência de compra, ainda mais se for personalizada?

Fidelize seu tráfego com pop-ups e venda o ano todo.

Os compradores têm muitas opções e pouca paciência no dia da Black Friday. Certifique-se de transmitir suas mensagens mais importantes de forma clara para as pessoas certas e no momento certo com vários pop-ups bem direcionados e interativos.

Veja abaixo:

Como captar leads qualificados na Black Friday 2022

Agora que você já sabe como se preparar para a Black Friday 2022 e conhece as melhores estratégias de marketing para a Black Friday, é hora de alcançar sua audiência, seu público-alvo. 

Afinal de contas, leads qualificados são fundamentais para uma estratégia de marketing efetiva diante da concorrência. 

No comércio eletrônico, os leads são fundamentais para criar estratégias de marketing e ajudam os preparativos para a Black Friday funcionarem, isso porque a Black Friday é uma ótima oportunidade para sua empresa fechar o ano com chave de ouro, então é muito importante começar a pensar e executar suas campanhas.

Para isso, é fundamental renovar a sua base de leads. Para além das campanhas, é muito importante pensar no tráfego do seu site. Ele não converte? As pessoas que visitam o seu site possuem uma boa experiência, mas ainda sim não estão na sua base de leads? 

Se você respondeu sim para as perguntas, talvez seu site esteja desperdiçando tráfego. 

Confira as estratégias para eliminar esse problema e converter mais durante a Black Friday de 2022.

1. Organize os seus dados

Otimização só pode ser feita se você tem dados para direcionar a tomada de decisão.

Talvez você saiba os números das taxas de conversão do seu site ou Landing Pages — e, talvez por estarem insatisfatórios, você tenha chegado até este post — mas será que você está analisando o cenário completo?

Existem algumas informações que são relevantes na hora de entender o que precisa ser otimizado.

Alguns exemplos de dados para ficar de olho:

  • De onde vêm os visitantes do seu site? (Google Ads, Orgânico, Facebook Ads, etc);
  • Quais desses canais geram mais ou menos conversões?;
  • Quais campanhas específicas de mídia paga geram mais acesso e conversões?;
  • Quais são as suas páginas que possuem as melhores e piores taxas de conversão? Quais são as diferenças entre elas?;
  • Entre quais etapas do funil de vendas estão os maiores gaps de conversão?;
  • Quantos dos seus leads foram impactados por uma estratégia de nutrição?

Você poderá acessar esses dados em plataformas que já fornecem um dashboard simplificado ou através de métodos de acompanhar e mensurar a performance das campanhas, como cookies, códigos UTM e pixels.

2. Otimize a experiência do cliente no site para a Black Friday

Se você busca aumentar a conversão, é fundamental otimizar a experiência do visitante. 

A sua página de conversão, seja ela uma Landing Page ou seu próprio site, precisa estar alinhada com o que o seu visitante espera.

Mais do que isso, ela precisa conter elementos textuais e visuais que se comuniquem com o momento da jornada em que ele se encontra.

Por isso, além de otimizar a velocidade do seu site, é importante que a sua proposta de valor (o benefício que você gera para o cliente com o seu produto ou serviço) fique evidente assim que o visitante acessa a página.

Assim, é fundamental criar uma experiência memorável no site, para isso, utilize a Gamificação. 

pop up leads black fridayAcima, falamos dos pop-ups como ferramentas efetivas para converter, mas, e se eles oferecerem além de uma ótima oferta, uma ótima experiência?

A Gamificação, ou gamification, não é exatamente uma estratégia de marketing, mas um conceito que aplica princípios dos jogos em outros contextos, desde o ensino, até cenários da área da saúde e, dentro dessa gama de possibilidades, está o marketing digital.

A gamificação visa o maior engajamento do usuário e pensa na experiência desde a primeira visita no site, passando pelo email marketing e engajando o lead até o momento da venda.

Quando a adicionamos ela ao site, isso aumenta a taxa de conversão porque sustenta o interesse do seus prospects e clientes.

Um exemplo prático de gamificação são os pop-ups interativos no site

Vale ressaltar que eles devem aparecer em um contexto adequado (um usuário saindo do site, por exemplo), mas com um copy cativante, proposta de valor e descontos que cativam o usuário, oferecendo várias ofertas em uma roleta desde descontos, até frete gratis, o seu visitante se sentirá persuadido a cadastrar o e-mail.

Desta forma, você poderá coletar o opt-in dos seus usuários. O efeito da gamificação vai criar outra percepção no usuário que terá uma experiência mais dinâmica. 

Lembre-se:

O primeiro passo para promoções de sucesso durante a Black Friday e outras datas durante o resto do ano, é sempre uma base de dados fresca e qualificada.

A gamificação garante uma experiência cativante ao visitante, visando a construção de uma base qualificada e segmentada, com isso, seus emails serão mais assertivos e dinâmicos, isso faz dobrar a taxa de abertura, o que leva a uma boa reputação do domínio do site e do IP.

Isso ajudará você a divulgar suas promoções antes da Black Friday e poderá levar seus leads até o fundo do funil. 

Leia também: Dicas de marketing para a Black Friday

A partir de uma experiência mais dinâmica em seu e-commerce, a taxa de conversão pode aumentar em até 20 vezes mais do que um pop-up estático.

Se a Black Friday tem como objetivo criar promoções memoráveis para vender mais, a gamificação traz engajamento.

Veja o Exemplo da Forever Liss:

gif para mostrar pop up que converte leads na black friday 2022

Através do engajamento, é possível acompanhar o usuário por todo o funil de vendas. Sem ele, o desperdício de tráfego continua e, apesar de ter diversos visitantes, seu site não vai converter como o esperado.

Vale lembrar que um usuário visita diversos sites durante a Black Friday e, ao buscar um produto, analisa diversas opções. 

Durante essa data, se destacar e converter o maior número de vendas significa oferecer uma experiência diferenciada na hora do usuário visitar seu site.

A gamificação, através de uma base segmentada, aprimora a experiência do usuário. Na busca do aumento da taxa de conversão, uma experiência personalizada e única durante o funil de vendas, faz a diferença na hora da taxa de conversão.

Acima, falamos das estratégias de marketing para a Black Friday, mas para funcionarem, os leads precisam chegar e o site precisa converter. Nessa hora, pop-ups com muito valor, gatilhos mentais e gamificação vão ser decisivos nas suas estratégias. 

Pop up mobile para captar leads na Black Friday 2022

Não perca a oportunidade de coletar a inscrição dos visitantes de seu site durante a Black Friday e deixe de desperdiçar o tráfego mais importante do ano. Utilize a gamificação e tenha sucesso na Black Friday 2022.

Aumente sua base de leads qualificados e tenha sucesso na Black Friday 2022

E, aí? Preparado ou preparada para a Black Friday 2022? Sem dúvida, é uma grande oportunidade de aquecer as vendas e aumentar os lucros pós-pandemia.

A Black Friday 2022 pode impulsionar o seu negócio e trazer ótimos resultados. Se planeje com antecedência, seja transparente e ofereça bons descontos!

Para isso, comece desde já a colocar em prática o que você leu até aqui. Desde as dicas de experiência do cliente, pós-venda e comunicação visual à estratégias de marketing, tudo importa na hora de fazer essa data memorável para o seu negócio. 

Nessa hora, vimos como os leads importam, tanto para antes da Black Friday, como após. Com isso, diminuir o desperdício de tráfego do seu site e aumentar a conversão desde já pode ser um divisor de águas para o seu negócio. 

Utilize a gamificação para coletar o opt-in dos seus visitantes e crie uma base de leads quentes que vão comprar durante uma das datas mais importantes do ano. 

Conheça a Popconvert. Nós criamos pop-ups que convertem.

A partir da gamificação, otimizamos a experiência do usuário no site com gatilhos mentais e segmentação para que você capture o opt-in dos seus usuários através de uma experiência cativante que traz, não só leads quentes, mas a fidelização do cliente e mais sucesso durante suas campanhas. 

Fale conosco e comece hoje mesmo a se preparar para ter os melhores resultados durante a Black Friday 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.